Prefeitura instaura processo administrativo contra fornecedora de cesta básica

Prefeitura instaura processo administrativo contra fornecedora de cesta básica

A Prefeitura instaurou um processo administrativo contra a Nutriciolane Comércio de Alimentos Ltda, responsável pelo fornecimento de cestas básicas. Segundo a Portaria 32.112, publicada na edição desta quarta-feira (03), a empresa não teria comprido todas as cláusulas do Contrato de Fornecimento nº 1389/15, oriundo do Pregão Presencial n° 190/14.

A fornecedora atrasou a entrega das cestas básicas, além de entregar cestas com produtos a menos e com produtos de marcas diferentes daquelas contratadas. Por deixar de manter a proposta durante a vigência do contrato, a empresa poderá ficar impedida de licitar e contratar com a União, Estados, Distrito Federal ou Municípios pelo prazo de cinco anos.

Para conduzir o processo administrativo, a Prefeitura nomeou uma comissão especial.