1º WORKSHOP DO CODEM FOI UM SUCESSO! FOI DADA  A LARGADA PARA UMA NOVA ERA EM MARÍLIA!

1º WORKSHOP DO CODEM FOI UM SUCESSO! FOI DADA A LARGADA PARA UMA NOVA ERA EM MARÍLIA!

Participar de um momento histórico como o que acabou de acontecer em Marília é um privilégio que muitos ainda não se deram conta de sua dimensão.

O evento realizado na última segunda-feira (15) no auditório do UNIVEM foi uma demonstração incontestável da insatisfação dos diversos segmentos da sociedade com os rumos que a nossa cidade vem seguindo há vários anos e, mais do que isso, deixou claro o quanto a sociedade civil organizada está atenta, engajada e disposta a dar a sua contribuição para fazer de Marília uma cidade melhor para todos, com desenvolvimento econômico, social, cultural, enfim, a cidade que sonhamos para o futuro.

Foi uma manhã inteira de discussões, debates e de UNIÃO de “apaixonados por Marília” que se dispuseram a dedicar tempo e no caso de alguns empresários e comerciantes também recursos financeiros, para colocar em prática o sonho da criação do CODEM (Conselho de Desenvolvimento de Marília) – como está sendo feito também em várias cidades do país, seguindo o modelo de sucesso implantado há mais de vinte anos em Maringá, no Paraná.

Mas quem não pôde comparecer neste primeiro exercício prático que foi o Workshop, não deve desanimar. O trabalho está só começando e o processo, que é longo, exigirá a participação de um grande número de pessoas dispostas a dar a sua contribuição individual ao grande objetivo de ESTABELECER PRIORIDADES, METAS e apontar possíveis CAMINHOS/ALTERNATIVAS que vão nortear os futuros gestores do Município pelos próximos 20 anos. Não é uma tarefa fácil, mas com o envolvimento de pessoas dos diversos segmentos da sociedade como vimos nesta primeira oficina, o sonho começa a se tornar realidade.

A gente tem percorrido o Brasil todo e eu devo admitir que não é comum encontrar o nível de adesão e de disposição de pessoas de levar a ideia adiante como a gente encontrou hoje. Eu e minha equipe pudemos perceber que aqui vai dar certo, disse o consultor e ex-prefeito de Maringá, Silvio Barros, após o evento.

Com o CODEM será construída uma governança da sociedade civil para estabelecer uma INTERLOCUÇÃO com o Poder Público. A proposta é que o planejamento de futuro da cidade tenha o “carimbo” do CODEM, ou seja, da sociedade e “é a legitimidade dessa representação que vai influenciar os futuros governantes”, concluiu Silvio Barros.

Dentre os desafios e problemas apontados neste primeiro exercício surgiram muitas propostas nas áreas de saneamento, educação, planejamento urbano, inovação e tecnologia. Por outro lado os participantes também identificaram áreas de oportunidades para o desenvolvimento sustentável do Município, como gestão de resíduos, saúde, turismo e principalmente uma boa gestão dos recursos públicos, que é o que fará frente a todas essas demandas.

No site da Matra montamos uma galeria de fotos do evento, na qual também será possível visualizar a maioria das propostas elencadas no workshop.

Segundo a consultora, Márcia Santin, nesta semana que se inicia a consultoria contratada já vai encaminhar para o núcleo provisório (que coordena inicialmente os trabalhos do CODEM), um relatório completo das propostas e com sugestões de formações de Câmaras Técnicas para a continuidade do trabalho. Paralelamente a isso, já será dado andamento à formação jurídica dessa governança da sociedade civil organizada.

O desempenho foi excelente, tanto em número de participantes, com algo em torno de 140 pessoas no auditório, quanto com relação à motivação. Eu acho que as pessoas saíram daqui motivadas e com a sensação de dever cumprido. O balanço foi dos melhores, afirmou Márcia Santin.

Vários membros da Matra participaram do evento e o vice-presidente da OSCIP, Edgar Cândido Ferreira, também destacou a grande participação na oficina: “É um bom começo mas o resultado disso nós vamos ter com a continuidade desse trabalho”, disse. Opinião compartilhada pelo Reitor do UNIVEM, Luiz Carlos de Macedo Soares, que logo na saudação inicial aos participantes destacou: “É uma grande honra receber todos aqueles que se interessam por uma Marília melhor. Mas isso não pode parar aqui, dentro de uma sala ou de um auditório. Hoje é um marco muito importante para o futuro de todos nós”.

“Saímos do estágio da visualização para a etapa da concretização”, destacou o presidente da ACIM, Adriano Martins, que afirmou: “Mais de uma centena de entidades da cidade foi representada neste evento, ou seja a sociedade civil foi muito bem representada aqui e a dinâmica de trabalho permitiu fazer um diagnóstico inicial muito importante. O protagonismo desse trabalho é da sociedade como um todo”, concluiu.

Membros dos poderes Executivo e Legislativo também estiveram presentes e declararam apoio ao CODEM: “Eu acho fundamental essa iniciativa da cidade discutir o que ela deseja. Ninguém faz nada sozinho e nós temos que estabelecer um canal de diálogo com todas as entidades, voltado ao bem maior que é a nossa cidade”, disse o Presidente da Câmara, Marcos Rezende. E Nelson Mora, Sec. Mun. do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento completou: “A sociedade civil está se mobilizando para ajudar a administração e eu acho que esse é um início muito bom para que nós tenhamos um futuro promissor. Em todas as propostas bem intencionadas o Poder Público tem obrigação de estar junto”.

Sinval Gruppo, presidente do SINHORES (Sindicato dos hotéis, restaurantes e similares), também destacou a importância deste tipo de discussão: “Como a oficina reuniu pessoas de diferentes segmentos com visões bem particulares eu achei muito importante. Está ampliando os horizontes e toda a sociedade vai se beneficiar desse trabalho”, disse.

No final do Workshop, Silvio Barros destacou ainda a importância da iniciativa do “1º Encontro por Marília”, realizado em janeiro de 2017, do qual várias propostas deverão ser extraídas para o CODEM.

Reclamar sem ter feito nada para contribuir, achar ruim sem ter dito como era o jeito bom, isso aí infelizmente não produz nada, não dá resultado e não é útil para a sociedade. Agora, se você participar, colaborar, apresentar um caminho e esse caminho não for aproveitado, aí sim você reclama com autoridade, reclama com razão. (Silvio Barros)

Não fique fora dessa, participe! Porque Marília tem dono: VOCÊ!

Fotos: Fábio Rosa (Assessoria Matra)