Marília cai quase 200 posições em ranking Firjan de gestão fiscal

Marília cai quase 200 posições em ranking Firjan de gestão fiscal

A Prefeitura de Marília despencou 198 posições no ranking do Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF). A edição com dados de 2018 acaba de ser divulgada e a comparação é com o estudo anterior, com números de 2017.

O IFGF apresenta uma radiografia completa da situação das contas públicas dos mais de 5,3 mil municípios analisados em todo o país. O índice é inteiramente construído com base em resultados fiscais oficiais.

As informações são declaradas pelas próprias prefeituras à Secretaria do Tesouro Nacional e o índice é composto por quatro indicadores: autonomia, gastos com pessoal, investimentos e liquidez.

Segundo reportagem publicada no site Marília Notícia, em 2017, Marília aparecia no 1.887º lugar do ranking geral, mas em 2018 caiu para a posição 2.085. No ranking estadual a queda foi da 324ª posição para a 390ª. No ano retrasado Marília havia conquistado sua melhor posição desde a primeira edição do estudo, em 2013.

A cidade se encaixa na faixa considerada “gestão em dificuldade” e as quedas nos rankings vieram mesmo com uma pequena melhora no índice local (de 0,03 pontos).

A leitura dos resultados é bastante simples: a pontuação varia entre zero e um, sendo que quanto mais próxima de um, melhor a gestão fiscal do município. A nota de Marília foi de 0,4974 em 2017 e 0,5275 no ano passado.

Investimentos

Recentemente o Marília Notícia mostrou que Marília está entre as cidades que mais computaram receitas em 2018, segundo estudo da Frente Nacional dos Prefeitos. No entanto, o município ficou fora da lista daqueles que mais investem.

No quesito investimento, no índice Firjan, que trabalha os mesmos dados de 2018, Marília ficou entre os piores do país, na posição 4.017.

No quesito liquidez a cidade sequer pontuou. Já quando se fala em gastos com pessoal, Marília aparece no 718º lugar do ranking nacional (no entanto, neste quesito as contas podem ser consideradas em gestão de excelência, com nota acima de 0,8).

*Fonte: Marília Notícia

**Imagem meramente ilustrativa.