EM ENTREVISTA, MARCOS REZENDE DESCARTA REDUÇÃO DE SALÁRIO DOS VEREADORES DURANTE A PANDEMIA

EM ENTREVISTA, MARCOS REZENDE DESCARTA REDUÇÃO DE SALÁRIO DOS VEREADORES DURANTE A PANDEMIA

O presidente da Câmara de Marília, Marcos Rezende (PSD), descartou a possibilidade de redução salarial dos vereadores durante a pandemia, a exemplo do que outras cidades vêm fazendo e o próprio prefeito Daniel Alonso (PSDB) fez com seus vencimentos no Executivo.
O posicionamento de Rezende foi dado após questionamento feito pelo site Marília Notícia. Ele explicou que só este ano foram devolvidos para a Prefeitura R$ 600 mil em recursos não utilizados pela Câmara e deu outros argumentos (veja abaixo).
Nesta sexta-feira (24) os vereadores de São Paulo aprovaram a redução de 30% do subsídio que eles recebem e também das verbas de gabinete.
A decisão vale entre maio e dezembro, em um contexto de crise na arrecadação do poder público por conta das medidas de combate ao novo coronavírus.
Em Marília, no último dia 15 o prefeito anunciou que vai abrir mão de seu salário na íntegra. O município já sente queda em repasses obrigatórios e também nos recursos próprios.
Argumentos
“A Câmara de Marília é uma das mais enxutas de São Paulo. Nós recentemente reduzimos o número de vereadores de 21 para 13. Isso já significa uma economia muito grande, sem contar a participação dos vereadores em diversas ações sociais”, disse Rezende.
O chefe da Casa de Leis também comparou o subsídio dos parlamentares da cidade de São Paulo com os de Marília. “Os vereadores em São Paulo ganham aproximadamente R$ 19 mil por mês”, declarou.
Em Marília o salário dos parlamentares é de R$ 6.718,00. No final do ano passado os vereadores aprovaram aumento de 29% para a próxima legislatura, mas houve recuo após pressão popular.
“Os subsídios dos vereadores em Marília estão congelados desde 2012 e continuarão congelados por uma decisão desta legislatura até 2026. Não terá aumento no subsídio dos vereadores. Essa é uma contribuição extremamente importante”, comentou.
“É claro que nós vereadores, além das ações sociais que fazemos mensalmente, estaremos dialogando com toda a Casa, ouvindo e propondo ações que venham contribuir e ajudar nossa cidade”, completou Rezende
Fonte: Marília Notícia
*imagem meramente ilustrativa.

Veja também:

GASTOS NA CÂMARA CHAMAM A ATENÇÃO. COM ORÇAMENTO SUPERESTIMADO NÃO É DIFÍCIL GASTAR MAIS DO QUE DEVERIA.