Notícias

Busca

MATRA

Corregedor: sindicância contra envolvidos com Cachoeira será concluída antes do recesso

20 de junho de 2012 - 08:48

O corregedor da Câmara, deputado Eduardo da Fonte (PP-PE), acredita que sindicância contra parlamentares acusados de envolvimento com esquema do contraventor Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, será concluída antes do recesso parlamentar, que se inicia em 17 de julho.

Os deputados citados nas interceptações telefônicas da operação Vegas, da Polícia Federal, foram Carlos Alberto Leréia (PSDB) e Sandes Júnior ( PP), ambos de Goiás.

Há ainda a representação contra Rubens Otoni (PT-GO), acusado de receber dinheiro para a campanha eleitoral de 2004, quando era candidato a prefeito de Anápolis.

Os depoimentos dos deputados na comissão de sindicância estão sendo confrontados com os documentos da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPMI) do Cachoeira.

Eduardo da Fonte acha que os casos desses três deputados, que já apresentaram defesa e que os relatores já estão encerrando seus pareceres, estarão concluídos na primeira quinzena de julho.

O deputado Maurício Quintela Lessa (PR-AL) ficou com o caso de Sandes Junior; o deputado Evandro Milhomen (PCdoB-AP) relata a representação contra Rubens Otoni; e Jerônimo Goergen (PP-RS) ficou com o caso de Carlos Alberto Leréia. Também integra a comissão de sindicância o deputado Odair Cunha (PT-MG).

Stepan Nercessian

Fonte ressalva que apenas o caso do deputado Stepan Nercessian (PPS-RJ) ficará para agosto. O corregedor disse que Nercessian já foi citado e deverá apresentar sua defesa em cinco dias úteis.

Segundo Fonte, o relator desse caso deve ser o deputado Vicente Candido (PT-SP).

Fonte: Agência Câmara de Notícias – 19/06/2012

Comentários

Mais vistos