Notícias

Busca

MATRA

Sem prédio novo para a câmara: Após pressão popular Marcos Rezende recua e revoga a licitação

03 de março de 2021 - 15:55

O presidente da Câmara de Marília, vereador Marcos Rezende (PSD), anunciou na manhã desta quarta-feira (3) a revogação da construção da nova sede do Legislativo municipal. A decisão vem após repercussão negativa do projeto e conversas com diversos setores da sociedade mariliense.

A MATRA apresentou diversos argumentos contrários à proposta. Veja nos links abaixo:

https://matra.org.br/2021/02/21/nao-basta-ter-boa-intencao-e-preciso-bom-senso-principalmente-para-gastar-o-dinheiro-do-povo/

https://matra.org.br/2021/02/28/com-o-dinheiro-do-povo-e-facil-novo-predio-da-camara-podera-custar-mais-de-r-61-milhoes-em-20-anos/

O assunto inclusive virou motivo de bate-boca acalorado no plenário da Câmara, rendeu manifestação contrária de entidades não governamentais e contou com protocolo oficial de pedido de suspensão.

O chefe da Casa de Leis resolveu definitivamente revogar a licitação após reunião com empresários e lideranças realizada na terça-feira (2).

O presidente da Câmara afirmou em coletiva de imprensa que apresentou argumentos sobre a necessidade do novo prédio, mas não conseguiu convencer os participantes do encontro.

“O resultado dessa reunião foi que uma parte desses membros aprovaram, outra parte não aprovou”, comentou. Cerca de dez pessoas se reuniram com Rezende na ocasião.

“Se aqui, com pessoas de ilibada reputação, inteligentes, ficamos por mais de duas horas e não conseguimos ter um convencimento unânime, é sinal de que, diante de todos os argumentos, só nos restaria uma decisão”, completou o presidente sobre a revogação.

Mais informações no link:

https://www.giromarilia.com.br/noticia/giro-marilia/-camara-deve-suspender-licitacao-de-novo-predio-apos-reuniao-com-empresarios-e-liderancas/46836

O projeto do novo edifício estava previsto na modalidade ‘built to suit’ (construído para servir) e poderia custar até R$ 200 mil por mês durante 240 meses, fora eventuais reajustes.

*Fonte: Marília Notícia e Giro Marília.

**imagem meramente ilustrativa.

Comentários

Mais vistos