Notícias

Busca

MATRA

Servidores municipais rejeitam reajuste de 3,7% e protestam na Câmara Municipal

15 de abril de 2015 - 10:44

Na última segunda-feira (13), os servidores públicos municipais realizaram uma assembleia no Espaço Cultural “Ezequiel Bambini” para discutir a proposta do reajuste salarial anual de 3,7%, oferecida pela Prefeitura de Marília. Como todos os presentes rejeitaram o valor, os cerca de 600 servidores seguiram em passeata para a Câmara.

Protesto_servidores_reposição salarial_espaço cultural

Servidores rejeitaram proposta para reajuste salarial de 3,7% durante assembleia. Foto: Divulgação/Sindimmar

Com a chegada dos funcionários públicos, a sessão foi suspensa por dez minutos e formou-se comissão de vereadores composta por José Menezes (PSL), Marcos Rezende (PSD) e José Bássiga (PHS) para recepcionar a categoria e intermediar encontro com o prefeito Vinícius Camarinha (PSB). Porém, a data ainda não foi definida.

Acordo

A data-base do dissídio dos servidores públicos é 1º de abril, por isso o Sindimmar (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Marília) reivindicou a reposição da inflação de 8,41%, segundo o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), dos 12 meses anteriores e aumento real de salário, mas a Prefeitura ofertou apenas 3,7% e nenhum ganho real. Também não houve nenhuma manifestação sobre o pagamento do retroativo de 2013, o qual ainda pendente.

Comentários

Mais vistos