Notícias

Busca

MATRA

Sessão da Câmara: Vereadores rejeitam contas de Bulgareli referentes a 2011

02 de junho de 2015 - 11:05

Em sessão ordinária realizada ontem (01), todos os vereadores seguiram o parecer do TCE (Tribunal de Contas do Estado de São Paulo) e rejeitaram as contas da Prefeitura de Marília referentes ao exercício de 2011, ano em que Mário Bulgareli era o prefeito.

Irregularidades

O TCE constatou a ausência de depósitos nas contas vinculadas para o pagamento de precatórios e o déficit de 13,66% no resultado da execução orçamentária sem o fundo de previdência.

Ordem do Dia

Dos oito projetos em pauta, seis foram aprovados. São eles o de autoria do vereador Mário Coraíni Júnior (PTB), instituindo a campanha educacional “Preservar a água, além de garantir a vida do planeta, é dever de todo cidadão”; do vereador Silvio Harada (PR) que dispõe sobe a instalação de divisórios entre os caixas nas instituições financeiras; do Presidente da Casa, Herval Rosa Seabra (PSB), que obriga a exibição, em locais visíveis, de cartazes da empresa que realiza a segurança em casas noturnas e nos eventos da cidade; da Prefeitura matéria para instituir o Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional Sustentável de Marília; do vereador Luiz Eduardo Nardi (PR) para criação da campanha permanente “Ciclista Legal”; e da vereadora Sônia Tonin (PSC) que garante o direito ao aleitamento materno.

Tiveram pedido de vistas as proposituras do vereador Wilson Damasceno (PSDB), que denomina rua Galdino Luiz Ramos a via pública em continuação à avenida Manoel Pereira, nos sítios de Recreio Céu Azul e a discussão única do parecer da Comissão de Justiça e Redação para permissão de uso do Centro Comunitário Costa e Silva à Sociedade Amigos do Núcleo Costa e Silva.

Comentários

Mais vistos