Notícias

Busca

MATRA

Teatro Municipal: quem pagará pelo prejuízo da não instalação do equipamento de som?

07 de novembro de 2014 - 11:11
Teatro_equipamento de som

Equipamento de som encontra-se empilhado em uma pequena sala no Teatro. Foto: MATRA.

Em novembro de 2012, o MP (Ministério Público) instaurou um inquérito civil para analisar a situação da instalação do equipamento de som do Teatro Municipal Waldir Silveira Mello. No dia 9 de outubro deste mesmo ano, a MATRA havia ingressado com uma representação junto ao órgão pedindo a apuração de eventual ocorrência de improbidade administrativa e responsabilização de seus autores.

Após  visita da entidade ao Teatro, observou-se que parte da aparelhagem de som não foi instalada e encontrava-se encaixotada e empilhada em precárias condições no próprio Teatro. Ao que consta, a mão de obra para instalação do equipamento de som foi paga, mas não executada, o que caracteriza grave ilicitude. Pagou-se com dinheiro público por um serviço não realizado. A licitação foi realizada em 2010 e atingiu o valor de R$ 88 mil reais.

Em depoimento ao MP, o proprietário da empresa F&M Equipamentos Eletrônicos Ltda, fornecedora dos materiais, Fernando Mauro Leonardo, disse que não foi possível a implantação total dos equipamentos porque as obras de reforma do Teatro ainda estavam em andamento, por isso deveria-se aguardar o término das obras. Ele também informou que os aparelhos estavam guardados dentro do Teatro.

Porém, dois anos se passaram e os equipamentos continuam guardados, o que contribuiu para a deterioração. A aparelhagem foi adquirida pelo valor de R$ 88 mil, mas não foi instalada devido a não conclusão das obras de reforma. Por isso, a MATRA questiona: Quem pagará por esse prejuízo aos cofres públicos?

 

 

Comentários

Mais vistos