Notícias

Busca

MATRA

Todos os projetos são aprovados na sessão da Câmara de ontem; vereadores eleitos agradecem população

09 de outubro de 2012 - 11:21

Na sessão camarária realizada ontem, as quatro proposituras foram aprovadas. Dentre elas, o Projeto de Lei do vereador Albuquerque, que considera utilidade pública municipal a Associação dos Ostomizados de Marília e Região – AOMAR.

Houve também a primeira votação do projeto proposto pela Prefeitura Municipal revogando as Leis nº 4985, de 20 de dezembro de 2000 e 6821 de 23 de setembro de 2008, que tratam da doação de áreas localizadas no Bairro Senador Salgado Filho Prolongamento à União, destinadas à construção da sede da Delegacia da Polícia Federal em Marília. O prazo legal para a construção do prédio já expirou, portanto foi aprovado o pedido de revogação da doação.

Dentre a parte de processos conclusos houve votação do projeto de Wilson Damasceno que altera a denominação da Rua Jesus Montolar Pellisel para Avenida Jesus Montolar. O último projeto apreciado foi a primeira discussão da propositura de Albuquerque denominando vias públicas do loteamento “Professora Marina Moretti Ferreira”.

Agradecimentos

Durante o Pequeno Expediente, que é o momento em que os vereadores podem subir à tribuna e discursar sobre qualquer assunto por dez minutos, os vereadores eleitos agradeceram a população pelos votos recebidos.

Os reeleitos Marcos Custódio e Mário Coraíni externaram gratidão aos seus eleitores. O mais votado nessas eleições, o vereador Wilson Damasceno, agradeceu o apoio recebido e a participação de todos os candidatos pelo seu partido, o PSBD. Ele também lamentou a não reeleição do vereador Júnior da Farmácia e disse que por causa desse fato sua alegria não está completa. Capacete e Yoshio também agradeceram pela votação recebida.

Mesmo não conseguindo a reeleição, o vereador Albuquerque disse ser grato pelo apoio de seus amigos. O edil Júnior da Farmácia também agradeceu os votos e parabenizou Wilson Damasceno por ter recebido uma quantidade expressiva de votos.

 

Comentários

Mais vistos