Notícias

Busca

MATRA

Vereadores aprovam três projetos; um é reprovado e dois têm pedido de vistas

23 de abril de 2013 - 14:31

Na sessão da Câmara de ontem (22), os vereadores aprovaram três projetos. Dentre eles, está a nomeação do Conselho Deliberativo do Departamento de Água e Esgoto de Marília (DAEM), que terá Luiz Rossi como presidente.

Outro projeto aprovado é de autoria da Prefeitura e autoriza o Poder Executivo a abrir um crédito adicional especial no valor de R$ 150 mil destinados à implantação de uma Balança Rodoviária em Rosália, haja vista a grande quantidade de produtores rurais.

O projeto nº 02/2013, de autoria de Sônia Tonin, foi aprovado em primeira discussão. A matéria propõe a obrigatoriedade da identificação visual dos veículos pertencentes à frota municipal e estabelece que constará na parte traseira do veículo, em local de fácil visualização, a seguinte expressão: “COMO ESTOU DIRIGINDO? TELEFONE (nº …)”.

O projeto que torna obrigatória a distribuição de uniformes para professores de EMEI, EMEF e berçários proposto pela vereadora foi reprovado por sete votos. Segundo Marcos Custódio, Herval, José Menezes, Choquito, Samuel da Farmácia, Silvio Harada e Nardi, a propositura é inconstitucional porque trará despesas para a Prefeitura.

O vereador Herval pediu vistas para o projeto do vereador Expedito Capacete, que dispõe sobre a obrigatoriedade de hospitais da rede pública e privada afixar placas informando sobre o direito dos idosos de terem acompanhantes em casos de internação ou observação. A alegação é de que a matéria irá gerar custos para os hospitais.

O último projeto da ordem do dia, que reduz de duas vagas para uma a obrigatoriedade de estacionamento de veículo defronte a farmácias e drogarias da cidade, também teve pedido de vistas. O próprio autor, o vereador José Bássiga, retirou a matéria por suas sessões.

Comentários

Mais vistos